Olga S/A Industria e Comércio

PT EN

maior fabricante da América Latina de produtos paratratamento mecânico de superfícies.

Aplicações » CONCEITOS BÁSICOS

Abrasivos

São as ferramentas de desbaste, que proporcionam o nivelamento da superfície a ser tratada.

Principais Abrasivos:

  • Bauxitas Calcinadas.
  • Aluminas Calcinadas.
  • Trípoli.
  • Óxido de Alumínio Eletrofundido.

Tem como função:

  • Remoção de Riscos e Imperfeições.
  • Remover Oxidações.
  • Baixar Rugosidade.
  • Nivelamento da superfície.
  • Fornecer ao substrato um Acabamento.
  • Brilhante.

Tabela de dureza Mohs

Tabela de dureza Mohs

Ácidos Graxos e Gorduras

É o veículo aglutinante do Abrasivo, que fornece:

  • Lubrificação/Refrigeração.
  • Aderência.
  • Consistência.

Estas matérias primas são controladas por análises químicas que monitoram os Índices de Acidez e Saponificação.

Índice Acidez:
mostra a capacidade de formar Emulsão, quanto maior o valor, mais fácil será desengraxar.


Índice de Saponificação:
mostra a capacidade da graxa formar um sabão.

Pastas

Pastas de Polimento:
São Abrasivos “AGLOMERADOS/UNIDOS”, por Ácidos Graxos de Gorduras de origem animal e vegetal, que aplicados ao DISCO DE POLIMENTO são absorvidos pelas fibras dos tecidos e transferidos quando em contato com as peças.

Pastas Sólidas: são misturas de ácidos graxos de diferentes ponto de fusão com grande poder de aderência e refrigeração.

Pastas de Líquidas: são emulsões Óleo/Água, onde utilizamos um tenso-ativo e emulsificante para formar uma Emulsão ABRASIVA.

Discos de Polimento

Discos e Rodas são instrumentos utilizados na transferência de partículas abrasivas e aglutinantes para a superfície da peça a ser polida.

Configuração:
A definição da melhor configuração é mais importante que o tipo, construção e tratamento dos tecidos. Ela determinará a abrangência de cobertura e maior ou menor flexibilidade de acompanhar os contornos das peças a serem polidas.

  • Rodas
  • Discos Ventilados
  • Discos Plissados
  • Tecidos e Tratamentos;

Os vários tipos de tecidos e tratamentos que conferem os discos a finalidades de Corte e Brilho.

Discos de Polimento

Tecidos

Vários tipos de tecidos e diferentes tipos de tratamentos são utilizados na fabricação de discos e rodas. São os tecidos e os tratamentos que vão conferir ao disco/roda a qualidade final de corte e brilho desejada.

O tecido mais comumente usado na fabricação de discos de polimento é o algodão tela. Além dele, várias qualidades de tecidos são usadas na fabricacão de discos/rodas.

Esses tecidos apresetados em ordem de dureza, podem ser:

Algodão Tela: de várias qualidades, de macios não tratados a de corte rápido, e bracnos contendo resinas especiais. É fabricado com fios 100% de algodão. Classifica-se pela qualidade e pelo título dos fios que compõem a trama e o urdume. São eles que vão conferir a textura, aspereza, dureza, grau de desfiamento e resistência mecânica. Os prinicpais tipos são:

Algodão Tela 60x60x20x20: Contendo 60 fios de trama, 60 fios de urdume por polegada quadrada e fios com título 20, é o algodão mais difundido no mercado brasileiro.

Algodão Tela 86x82x20x20: Contendo 682 fios de trama, 86 fios de urdume por polegada quadrada e fios com título 20. Esse algodão possui uma maios quantidade de fios por polegada quadrada, ou seja, é uma tela mais fechada, macia, em função de um título de fio muito mais fino, com aplicação eficiente nos discos/rodas para lustração.

Algodão Sarja: Diferente do tipo tela pela construção e pelo título de fios. Pode ser construiído com 2 ou 3 fios um urudume pra 1 fio de trama. É um tecido mais pesado, grosso e áspero. Sua aplicação se restringe às operações que requerem alto poder de abrasão.

Flanelas: são tecidos de algodão. Podem ser diferentes densidades, mas no Brasil, existe tão somente uma densidade. Por sua maciez e flexibilidade, as flanelas são usadas onde outros tecidos falham na obtenção de alto brilho.

Sisal: é uma fibra natural do cânhamo, extremamente dura, usada para discos de polimento de corte rápido de aços e aços inoxidáveis. É uma fibra grossa formada por grupos de fios e frequentemente tecida da mesma forma que um pano. Tem menor quantidade de fios que o algodão tela. Oferece a vantagem de remoção eficiente de defeitos de superfície. Combinações de discos de sisal/tecido, denominados discos de transisal, são construções efetivas. Alternando tecido e sisal, se consegue uma melhoria na retenção da massa, promovento pontos firmes e apertados de costuras, reduzindo o desfiamento. As telas de sisal podem ser classificadas em três tipos:

Tela Sisal 5: possui 25 fios de urdume e 19 fios de trama por 10cm de tela. É uma tela de abertura muito grande que virá a provocar um alto nivel de desfiamento dos discos. É, entretanto, ideal para a fabricação de rodas de sisal costuradas.

Tela Sisal 500: possui 28 fios de urdume e 24 fios de trrama por 10cm de tela. 500 metros do fio pesa 1 quilo. É uma tela mais fechada quea a anterior, diminuindo consideravelmente o desfiamento. É a tela de sisal mais empregada na fabricação de discos.

Tela Sisal 800: possui 44 fios de urdume e 34 fios de trama em 10 cm de tela. 800 metros de fio pesa 1 quilo. É a tela de sisal de menor abertura e menor grau de desfiamento. É, também, a mais agressiva de todos os tipo de tela de sisal.

Mantas abrasivas: Construídas a partir de malhas de fibras sintéticas impregnadas com Abrasivos, proporcionando acabamentos acetinados, uniformes e consistentes em peças metálicas, madeira e materiais simétricos.

Tabela 12 velocidades periféricas Tabela 12 velocidades periféricas

Aplicações

A aplicação das massas sólidas tem declinado ao longo dos anos. A ponto de atualmente representar pouco mais de 40% do volume comercializado.
Estimamos que hoje o Volume de Consumo de Massas Sólidas e Líquidas no Brasil seja algo em torno de:

  • Massa Sólida: 2.800 toneladas/ano.
  • Massa Líquida: 4.100 toneladas/ano.

Os modernos equipamentos dificilmente são concebidos utilizando massas sólidas. A escolha pelas Massas Líquidas tem como principais pontos:

  • Custo.
  • Rentabilidade.
  • Facilidade de Desengraxe.
  • Diminuição do desgaste dos Discos.

Principais Clientes

  • Duratex S.A
  • Grupo Tramontina.
  • Docol Metais Sanitários.
  • Fabrimar S.A Industria e Comercio.
  • Grupo SEB – Panex.
  • Grupo Assa Abloy.
  • Pado S.A
  • Jackwal S.A
  • Stam Metalurgica Ltda.
  • Grupo Trofa.
  • Industria de Alumínios Eirilar Ltda.
  • CBA – Cia Brasileira de Alumínio